Cavaleiro Andante | 02-04-2006 10:37

Um retrato do terceiro mundo

A mota que está ao serviço da equipa de vigilantes da natureza dos sítios classificados de Agolada e Monte da Barca, Coruche, tem mais de 15 anos. Foi atribuída à equipa após ter sido apreendida pelo Estado em 1988. O único documento que tem é uma declaração a atestar que a mota está ao serviço do Instituto de Conservação da Natureza (ICN). Devido à idade do veículo já não se encontram muitas das peças, como o assento. E a mota só ainda está a andar porque o vigilante que a usa é engenhocas e vai fazendo umas reparações. Um retrato do terceiro mundo em plena União Europeia…

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1381
    13-12-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1381
    13-12-2018
    Capa Vale Tejo