uma parceria com o Jornal Expresso
27/07/2017
30 anos do jornal o Mirante
Assine O Mirante e receba o jornal em casa
Cultura | 03-07-2017 10:55

Encontro Internacional de Piano até 6 de Julho

Certame está a decorrer no Sardoal.

O segundo Encontro Internacional de Piano está a decorrer, no Centro Cultural Gil Vicente, até à próxima quinta-feira, 6 de Julho, onde estão presentes cerca de 30 participantes de países como Portugal, Espanha, Itália, Áustria, Rússia, China, Hungria, Japão, Ucrânia, Argentina e Bulgária.

O festival é promovido pelo Município de Sardoal e pela Academia Internacional de Música Aquiles Delle Vigne. O objectivo passa por proporcionar a jovens pianistas de todo o mundo uma semana de convívio e de aperfeiçoamento artístico, estimulando a sua experiência de palco participando em concertos diários. O evento inclui um concurso internacional que atribuirá a três jovens bolsas de estudo para participar no maior evento mundial do género, a Sommerakademie Mozarteum de Salzburgo.

São esperados como convidados de honra, Aquiles Delle Vigne, um dos mais solicitados pedagogos a nível mundial, o barítono Wolfgang Holzmair, solista e director da Sommerakademie de Salzburgo, e o pianista português Adriano Jordão.

O presidente da Câmara de Sardoal, Miguel Borges, também ele músico, diz que se trata de um acontecimento de enorme grandeza cultural que está ao nível do que melhor se faz nas grandes capitais do mundo. Na apresentação do festival, o autarca destacou o aumento do número de participantes e a sua crescente qualidade, o que contribui não só para o desenvolvimento cultural da região, mas também para a dinamização da economia local.

Miguel Borges sublinhou que o município investiu cerca de 6 mil euros nesta edição do Festival Internacional de Piano, sendo que o retorno económico é garantido. Este ano a comunidade local vai estar mais próxima dos participantes porque alguns dos jovens pianistas participantes vão ficar alojados em casa de habitantes locais.

O subdirector artístico da Academia Internacional de Música Aquiles Delle Vigne, Manuel Araújo, sublinhou o encanto muito particular da vila de Sardoal, cuja envolvência histórica proporciona o local ideal para este tipo de acontecimento cultural e sublinhou a adesão do público que na primeira edição do festival foi marcante, esperando que este ano supere as expectativas.

Manuel Araújo lembrou que a relação que se estabelece entre os participantes e os habitantes de Sardoal é tão próxima que o ano passado um dos pianistas apaixonou-se por uma jovem sardoalense.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...