Cultura | 04-07-2018 17:12

Caminhos da Água levam mais de 30 espectáculos a oito concelhos do Médio Tejo

Caminhos da Água levam mais de 30 espectáculos a oito concelhos do Médio Tejo
Foto - Joana Linda

Criado em 2017, o Caminhos do Médio Tejo – Programação Cultural em Rede divide-se em três ciclos programáticos.

Oito concelhos do Médio Tejo recebem, nos fins de semana de 13 a 15 e de 19 a 22 deste mês, mais de 30 espectáculos de música, teatro de rua, circo contemporâneo, percursos artísticos, no âmbito do projecto Caminhos.

Segundo momento do ano da programação da rede cultural Caminhos do Médio Tejo, dedicado à água, os espectáculos e intervenções artísticas, de acesso gratuito, vão acontecer em espaços dos concelhos de Abrantes, Alcanena, Constância, Ferreira do Zêzere, Mação e Torres Novas, do distrito de Santarém, e de Sertã e Vila de Rei (Castelo Branco).

Promovido pela Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo (CIMT), os Caminhos da Água levarão à região nomes da música como Samuel Úria, que actuará dia 14 à noite em Constância, ou Alexander Search, projecto criado e liderado por Júlio Resende com Salvador Sobral, no dia seguinte em Ferreira do Zêzere, enquanto Alcanena receberá o músico angolano Bonga dia 19 e na Sertã estará, dia 22, o Budda Power Blues & Maria João.

Segundo a nota de divulgação da iniciativa, na área da música estão igualmente agendados espectáculos de Isaura, que apresentará o seu álbum de estreia dia 13 em Constância, dia em que Les Saints Armands atuam, ao final da tarde, em Ferreira do Zêzere, e os Melech Mechaya em Vila de Rei.

Joana Barra Vaz actua dia 18 em Alcanena, dia em que Torres Novas recebe a experimentação sonora da Sonoscopia, realizando-se o concerto de Valter Lobo no dia 21 em Abrantes.

O teatro na rua acontece com espectáculos de Circolando – “Água” (em Abrantes e Torres Novas), PIA – “Entremundos” (na Sertã), Projeto EZ – “EZ SUB” (em Abrantes, Alcanena, Constância, Ferreira do Zêzere, Mação, Sertã, Torres Novas e Vila de Rei) e Ytuquepintas – “Sueños de Arena” (em Abrantes e Vila de Rei).

O circo contemporâneo chegará a Constância e Ferreira do Zêzere com Vol’e Temps e a Alcanena e Vila de Rei com The Funes Troup.

Para os mais pequenos e famílias, a Casa das Brincadeiras estará em Sertã e Torres Novas e as Histórias do Bestiário Tradicional Português em Constância e Mação, enquanto os cinco artistas desafiados a criarem percursos que levem a “encontrar novas paisagens em trilhos de todos os dias” - Ana Bento, BURILAR, Francisco Goulão, João Bento e Tiago Correia – andarão por Ferreira do Zêzere, Vila de Rei, Abrantes, Sertã e Alcanena.

Criado em 2017, o Caminhos do Médio Tejo – Programação Cultural em Rede divide-se em três ciclos programáticos, que começam na primavera com os Caminhos do Ferro, prosseguem no verão com os Caminhos da Água e terminam no outono com os Caminhos da Pedra, tendo por cenários diversos espaços e lugares dos 13 concelhos que integram a CIMT e proporcionando, além da fruição dos espectáculos e da animação, encontros dos artistas com as comunidades.

Com um financiamento comunitário global da ordem dos 750.000 euros para três anos, sendo a componente nacional assumida pelos municípios onde decorrem os eventos, o propósito da CIMT é que o projecto “possa criar raízes” e prosseguir na lógica de programação em rede, disse o secretário executivo da comunidade, Miguel Pombeiro.

A CIMT integra os concelhos de Abrantes, Alcanena, Constância, Entroncamento, Ferreira do Zêzere, Mação, Ourém, Sardoal, Tomar, Torres Novas e Vila Nova da Barquinha, do distrito de Santarém, e Sertã e Vila de Rei, do distrito de Castelo Branco.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Médio Tejo