Economia | 06-03-2012 08:01

Câmara de Santarém e IteCons assinam protocolo para monitorizar sustentabilidade de edifícios municipais

Os centros escolares de Alcanede e do Jardim de Cima, e o edifício do Conservatório de Música vão ser avaliados por peritos para verificar a sua eficiência energética e sustentabilidade. Os técnicos do Instituto de Investigação e Desenvolvimento Tecnológico em Ciências da Construção – IteCons, organismo associado à Universidade de Coimbra, vão monitorizar e avaliar a eficiência energética e sustentabilidade de edifícios municipais como os centros escolares de Alcanede e do Jardim de Cima, ou o edifício do Conservatório de Música. O protocolo de cooperação entre a Câmara de Santarém e o IteCons vai ainda abranger projectos que estejam em fase de estudo ou de construção, como o Centro Escolar do Sacapeito, corrigindo eventuais erros de projecto ou de edificação e instalação.O acordo entre as partes foi rubricado pelo presidente do IteCons, Pedro Tadeu, e pela vereadora da Câmara de Santarém, Luísa Féria, ao início da tarde de segunda-feira, na sala da assembleia municipal.Luísa Féria salientou a importância da parceria a um instituto ligado à Universidade de Coimbra e lembrou que a Câmara de Santarém obteve, com o Centro Escolar de Alcanede, o primeiro edifício certificado energeticamente pelo sistema Líder A de construção sustentável, fruto de protocolo assinado em 2008 com o Instituto Superior Técnico. “Com o o protocolo com o IteCons vamos aferir se as medidas aplicadas em edifícios construídos estão a resultar, seja a sua eficiência energética, a acústica, a qualidade do ar, entre outros factores”, exemplifica Luísa Féria.* Notícia completa na edição semanal de O MIRANTE.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Médio Tejo