Economia | 27-07-2015 13:51

Santarém contrata execução de plano estratégico para aceder a fundos europeus

A Câmara Municipal de Santarém vai pagar 70.500 euros a uma empresa de consultoria que ficará responsável pela elaboração e acompanhamento do Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU), um instrumento necessário para a autarquia se poder candidatar a fundos comunitários do quadro comunitário de apoio Portugal 2020. A contratação dos serviços, que engloba ainda acompanhamento técnico após a elaboração do PEDU, foi feita por ajuste directo para agilizar o processo. A execução do plano estratégico tem que ficar concluída até 10 de Setembro, prazo importo pelo Governo, de forma a não comprometer a possibilidade de apresentação de candidaturas no âmbito do novo quadro comunitário de apoio.A oposição ainda colocou algumas questões relacionadas com a empresa escolhida, que se encontra há pouco tempo no mercado, tendo o presidente da câmara, Ricardo Gonçalves (PSD), referido que o principal responsável da consultora é uma pessoa experiente na área, que conhece bastante bem a região e tem trabalhado ao longo dos anos com autarquias ribatejanas. Trata-se de António Marques, um engenheiro que, entre outras funções, foi na década passada o gestor do programa Valtejo, de valorização das zonas ribeirinhas do Tejo.O valor do contrato também foi questionado pelos vereadores Francisco Madeira Lopes (CDU) e Ricardo Segurado (PS), por ser considerado elevado, tendo Ricardo Gonçalves sublinhado que o mesmo se encontra dentro dos montantes contratados por outras autarquias e que envolve não só a elaboração do PEDU mas também a assistência técnica posterior por parte da empresa até final de 2016.Ricardo Segurado garantiu que os vereadores do PS vão estar "muito atentos ao trabalho apresentado pela empresa" e afirmou que não vão aceitar decalques de planos anteriores. "Que seja um trabalho que mereça o montante que está em causa e que seja consultoria boa", desejou.Os vereadores do PS e da CDU acabaram por se abster na votação, tendo sido a contratação dos serviços aprovada exclusivamente com os votos favoráveis da maioria PSD.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Médio Tejo