uma parceria com o Jornal Expresso
24/03/2017
30 anos do jornal o Mirante
Assine O Mirante e receba o jornal em casa
Economia | 05-02-2017 00:14
Agrocluster Ribatejo estuda tendências de consumo dos Millennials

A Geração Millennials - também chamada de geração Y ou geração digital-nativa - caracteriza-se por ser a primeira geração de carácter global, e, logo, com tendências de consumo bastante específicas. Atendendo a este novo perfil de consumidor, o Agrocluster Ribatejo está a preparar um estudo sobre as tendências de consumo desta nova "tribo global" de consumidores.

Se pensarmos que esta geração, que tem hoje entre os 18 e os 34 anos, se prepara para, no curto prazo, constituir a maior geração viva do planeta, representando 1/4 da população total e 75% da força de trabalho, sendo ainda responsável por mais de 50% das despesas de consumo globais, as empresas não podem ficar indiferentes ao tipo de consumidor moderno que estas pessoas constituem.

Foi exactamente devido a esse novo paradigma de consumidores, nascidos já na era digital, que o Agrocluster Ribatejo, no âmbito do projecto Agrocapacita, se encontra a preparar um estudo de tendências de consumo do mesmo, que irá ser formalmente apresentado em duas sessões públicas durante o mês de Abril.

Neste estudo, serão dados a conhecer comportamentos de compra e consumo próprios desta geração, caracterizada por ter acesso constante e imediato a informações importantes no âmbito da compra: são consumidores que comparam preços, procuram informação e opiniões sobre os produtos, visitam lojas online e físicas.

A relação deste grupo geracional com as marcas também é diferente: preferem "o mais barato" ou "o mais diferente". A lealdade às marcas depende cada vez mais da "experiência" que estas lhes proporcionam. O valor estará cada vez mais ligado à experiência, até porque esta geração detém ligeiramente menos rendimento, em termos reais, comparativamente a outras gerações.

Por outro lado, as ocasiões de consumo estão a mudar e o "out of home" (comer fora de casa) passará a ser mais frequente dada a desestruturação em que os Millennials vivem. As experiências culinárias e gastronómicas em casa e em grupo também vão crescer inspiradas nas comidas do mundo. Os conceitos de comida "on the go" e de conveniência serão cada vez mais relevantes, a par de mais acessibilidade - "home delivery", "mobile payment", entre outros ligados ao mundo virtual e inteligente.

A noção de propriedade também se alterou, pelo que esta geração opta, muitas vezes, por uma economia de partilha. Negócios de aluguer em vez de compra ganham relevância e ideias como carpooling, moeda virtual ou a troca direta de serviços, são outros exemplos.

Este estudo de tendências de consumo está a ser realizado pelo Agrocluster ao abrigo do Agrocapacita, financiado pelo Alentejo 2020. Os interessados em saber mais informações sobre este estudo devem contactar o Agrocluster Ribatejo através dos contactos [email protected] ou 249 839 500.

Comentários
Mais Notícias
    A carregar...
    Edição Semanal
    Edição nº 1291
    23-03-2017
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1291
    23-03-2017
    Capa Vale Tejo