Educação | 14-09-2010 16:12

Cadeados na escola da Meia Via contra falta de auxiliares que afinal existem

O portão de acesso ao Centro Escolar da Meia Via, Torres Novas, apareceu fechado com correntes e cadeados na manhã de terça-feira devido à suposta falta de auxiliares de acção educativa no complexo que acolhe cerca de uma centena de crianças entre o jardim-de-infância e o 1º ciclo. Na manhã de terça-feira, os encarregados de educação encontraram a escola fechada e organizaram-se em manifestação contra a falta de segurança. O espaço acabou por ser aberto a meio da manhã com a presença da GNR, mas muitos pais já haviam levado os filhos. A informação dada aos pais é que, afinal, existem na escola quatro auxiliares e não apenas uma, como eles pensavam. À entrada do Centro Escolar da Meia Via, cerca de meia centena de pais recusaram-se a deixar os filhos entrar na escola, pedindo satisfações ao representante do agrupamento de escolas e ao presidente da Junta da Meia Via sobre o número exacto de pessoas que iam estar encarregues de vigiar os filhos. Notícia mais desenvolvida na edição em papel

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Vale Tejo