Memória | 30-12-2017 00:05

Eduardo O.P. Brito

Faleceu a 30-12-2009 com 97 anos

Duas das suas grandes paixões eram o cinema e o Entroncamento. Não foi jornalista profissional porque nos caminhos-de-ferro pagavam mais que nos jornais mas publicou muito mais notícias que alguns profissionais do jornalismo. Deu, sem querer, a designação de “Terra dos Fenómenos” ao Entroncamento devido a uma série de pequenas notícias sobre assuntos invulgares que escreveu para muitos jornais nacionais dos quais era correspondente, durante a década de cinquenta do século XX. Era natural de Abrantes mas a partir dos nove anos foi viver para o Entroncamento. Em Maio de 2008 foi editado pela câmara municipal do Entroncamento uma colectânea de textos de Eduardo O.P.Brito sobre aquele concelho intitulada “Cá Pelo Burgo”. O trabalho de recolha, selecção, correcção e elaboração de notas foi feito por Manuela Poitout, uma estudiosa da história do Entroncamento e pela jornalista Ana Geraldes.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1356
    20-06-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1356
    20-06-2018
    Capa Médio Tejo