Política | 09-05-2009 07:54

Ramiro Matos não regressa à Câmara de Santarém

O ex-vice-presidente da Câmara de Santarém, Ramiro Matos (PSD), pediu a prorrogação da suspensão do mandato autárquico, que já vigora há seis meses e deve manter-se até final do actual mandato. O pedido está agendado para a reunião do executivo de segunda-feira e deve ser aprovado pela vereação. Ramiro Matos pediu a suspensão de mandato no início de Novembro passado por “razões pessoais e políticas”. A decisão resultou do agravamento das relações entre o presidente da câmara Francisco Moita Flores e Ramiro Matos. António Valente, piloto de aviões, assumiu um lugar na vereação após esse desfecho.Ramiro Matos tem-se dedicado ao escritório de advocacia de que é sócio em Santarém, embora mantenha a actividade partidária como presidente da mesa da assembleia de militantes da concelhia do PSD. Entretanto ajudou a criar a delegação de Santarém do Banco Alimentar Contra a Fome, de que é presidente.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1380
    05-12-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1380
    05-12-2018
    Capa Médio Tejo