Política | 25-09-2010 09:53

Rodrigues diz que PS corre o risco de se tornar uma monarquia

Rodrigues diz que PS corre o risco de se tornar uma monarquia
O presidente da Câmara de Torres Novas diz que o PS a nível distrital “corre o risco de se tornar uma monarquia”. António Rodrigues critica assim o facto de não aparecerem pessoas disponíveis para disputarem a liderança da distrital. Rodrigues chegou a mostrar-se disponível para ir a votos, mas acabou por não avançar com a candidatura porque considera que neste momento a vida pessoal e de autarca não lhe deixa tempo para outros cargos.Sem António Rodrigues a concorrer, o actual presidente da distrital socialista de Santarém e da Câmara de Ourém, Paulo Fonseca, é o único candidato. Questionado sobre se apoia Paulo Fonseca, o presidente da Câmara de Torres Novas diz que “não apoio nem desapoio ninguém”, acrescentando que vai manter-se “à margem destas eleições” para a federação distrital.Sobre a falta de dinamismo da distrital, Rodrigues considera que isso ainda vai piorar, realçando que “não sinto que esta candidatura do Paulo Fonseca vá mudar alguma coisa”. Para depois ressalvar que o mesmo cenário se poderia passar com ele se fosse candidato e ganhasse as eleições. Porque, explica, “a continuidade não abona nada em favor da renovação do partido”. António Rodrigues sublinha que decidiu “à cautela” não avançar com uma candidatura porque neste momento tem a presidência da Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo, está a fazer um mestrado e tem que acompanhar vários projectos no âmbito do Quadro de Referência Estratégico Nacional (QREN). O que, diz, lhe deixa pouco tempo. Nos bastidores diz-se que a desistência de António Rodrigues foi negociada com Paulo Fonseca para que este não tivesse concorrência. Mas Rodrigues garantiu a O MIRANTE que não negociou nada com ninguém e que “não há aqui jogos de bastidores”.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Médio Tejo