Política | 06-07-2011 15:15

Presidente da Assembleia Municipal do Cartaxo renuncia ao mandato

A presidente da Assembleia Municipal do Cartaxo, Maria Manuel Simão (PS), renunciou ao cargo e também ao mandato nesse órgão autárquico, tendo anunciado a decisão aos membros da assembleia municipal na tarde desta terça-feira, 5 de Julho. O nosso jornal sabe que Maria Manuel Simão agradeceu a colaboração de todos os eleitos que contribuíram para que a assembleia municipal fosse um espaço de saudável confronto político de ideias.O MIRANTE tentou saber os motivos que levaram a essa tomada de posição, mas tal não foi possível antes do fecho desta edição, que ocorreu na manhã de quarta-feira. Fica assim por esclarecer, para já, se a renúncia está directamente ligada com o que se passou na última sessão da assembleia, no final de Junho.Na altura, Maria Manuel Simão lamentou a “falta de respeito” por parte dos líderes da câmara para com a assembleia, aludindo ao atraso com que se iniciaram os trabalhos devido à ausência do presidente da câmara Paulo Caldas (PS) e do seu substituto legal Paulo Varanda (PS). A reunião só começaria 45 minutos depois da hora marcada (ver texto ao lado). Outra situação que pode ter feito transbordar o copo foi o facto do primeiro secretário da assembleia municipal, Fernando Santos (PS), ter desobedecido a uma ordem da presidente da mesa ao retirar da agenda da sessão realizada a 26 de Abril um ponto proposto pelo Bloco de Esquerda que Maria Manuel Simão decidira agendar. Em resultado dessa situação, debatida também na sessão de 28 de Junho, Fernando Santos (PS) ouviu das bancadas de BE e PSD apelos à sua demissão

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Médio Tejo