Política | 11-12-2011 00:08

Presidente da Câmara de Tomar de baixa médica até 5 de Janeiro

O presidente da Câmara de Tomar, Corvêlo de Sousa (PSD), prolongou a sua baixa médica até ao dia 5 de Janeiro. A informação foi prestada a O MIRANTE pelo vice-presidente da autarquia, Carlos Carrão que substitui o autarca no cargo durante a sua ausência. Segundo apurado junto da concelhia, para além de acusar algum "cansaço" e desgaste psicológico, o autarca padece ainda de problemas de estômago. Ausente das lides autárquicas desde o dia 23 de Novembro, Corvêlo de Sousa tem o telemóvel desligado desde este dia. Seguiu-se um período de baixa médica que se prolongou até ao dia 5 de Dezembro e que foi renovado por mais um mês. Em sua substituição, o agora presidente em exercício, Carlos Carrão, esteve reunido na passada semana com as delegações dos partidos e dos "Independentes por Tomar" com vista à elaboração das grandes opções do plano e orçamento para 2012, proposta que vai ser discutida e votada em reunião de executivo camarário na tarde segunda-feira, 12 de Dezembro. O Partido Socialista, ex-parceiro de coligação, através da presidente da concelhia, Anabela Freitas, anunciou na sexta-feira que vai votar contra o orçamento da Câmara e abster-se quando for votado o orçamento dos Serviços Municipalizados de Águas e Saneamento (SMAS).

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Médio Tejo