Política | 09-04-2018 08:28

Azambuja faz obras em escola ao fim de muita insistência da oposição

Avarias nas casas-de-banho femininas, o que obrigava as raparigas a usarem as casas-de-banho dos rapazes.

Ao fim de três semanas de alertas e de o assunto das más condições da Escola do Primeiro Ciclo Professor Inocêncio Carrilho Lopes, em Azambuja, ter sido espoletado a vereadora da Educação veio garantir a realização de obras no estabelecimento de ensino. Sílvia Vítor garantiu na última reunião do executivo, 27 de Março, que as intervenções vão ser feitas durante as férias lectivas da Páscoa, após a insistência da vereadora da oposição Maria João Canilho (PSD) e mãe de uma criança que frequenta esta escola.


A câmara tinha sido alertada para a falta de condições e para o estado de degradação de vários materiais e equipamentos. Entre as queixas estavam avarias nas casas-de-banho femininas, o que obrigava as raparigas a usarem as casas-de-banho dos rapazes. Esta situação, segundo a vereadora da Educação, foi entretanto resolvida. Outras situações que estão mal prendem-se com a avaria da caldeira, rodapés estragados, mobiliário velho e degradado e cheiro a mofo nas salas de aula.


Maria João Canilho revelou estar “severamente preocupada com o bem-estar destas crianças”, tendo o presidente da câmara salientado que a “educação é um assunto pelo qual este executivo tem o maior respeito”. Sílvia Vítor afirmou que as denúncias feitas pela oposição foram exageradas e que não lhes tinha chegado nenhuma queixa da direcção da escola. “Visitei a escola e não senti qualquer cheiro a mofo. As salas têm ar condicionado e apenas seis secretárias, das cerca de 80, estavam danificadas”, declarou.


A vereadora da Educação prometeu em jeito de conclusão da discussão na reunião de câmara que no terceiro período, que inicia a 9 de abril, os cerca de 100 alunos desta escola vão começar as aulas dentro da normalidade e com condições melhoradas.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1355
    13-06-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1355
    13-06-2018
    Capa Médio Tejo