Saúde | 30-05-2009 09:50

Obras no Centro de Saúde do Cartaxo arrancam no Verão

O Centro de Saúde do Cartaxo vai sofrer obras de alargamento durante o Verão para que possa ser reconvertido na Unidade de Saúde Familiar (USF) Marcelino Mesquita, abrangendo a população das freguesias do Cartaxo e de Vila Chã de Ourique. Segundo o presidente da Câmara do Cartaxo a situação é ainda mais urgente quando se sabe que dois médicos pediram a reforma e um outro não tem ligação efectiva à unidade. Paulo Caldas considera que o concelho não pode continuar, durante muito mais tempo, a ter duas realidades diferentes na área da saúde. “A USF D. Sancho I, em Pontével está a funcionar de forma muito positiva, junto da população do sul do concelho, mas é fundamental que as freguesias do Cartaxo e Vila Chã de Ourique também sejam servidas com o mesmo tipo e qualidade de serviços na área da saúde”, afirmou durante a reunião de câmara de dia 27.Em paralelo com o investimento nas instalações do centro de saúde, a autarquia vai refrçar o programa de incentivo à ida de médicos para o concelho. Até final de 2009 está previsto que cinco médicos possam prestar serviço no Cartaxo ao abrigo do programa de incentivos da autarquia (que inclui um pagamento extra-vencimento) Segundo Paulo Caldas essa situação irá fazer com que todos os utentes do concelho passem a ter médico de família.O autarca lembrou que o reforço de médicos é uma das medidas previstas no Plano Anti-Crise criado pelo município no início do ano e que considerava a necessidade de um maior apoio social às famílias do concelho. Neste Plano a autarquia disponibilizava 60 mil euros para incentivo à fixação de mais médicos de família.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Médio Tejo