Entre a pureza das águas e o verde das serras

O concelho de mação situa-se a 77 quilómetros de Santarém e a 170 quilómetros de Lisboa, no vértice de três regiões: Beira Baixa, Ribatejo e Alentejo. O concelho é limitado a Norte pelos Concelhos de Vila de Rei, Sertã e Proença-a-Nova, a nascente pelos concelhos de Vila Velha de Ródão e Nisa, a Poente pelos concelhos de Sardoal e Vila de Rei e a Sul pelos Concelhos de Abrantes, Gavião e pelo Rio Tejo. É servido pela linha ferroviária da Beira Baixa. Com a abertura da Auto-Estrada 23 que atravessa o seu território, o concelho melhorou muito as suas acessibilidades.O Concelho de Mação tem um nome para o qual têm sido apontadas várias origens etimológicas. Toda esta região ligada fisicamente à Beira Baixa, remonta ao período do Paleolítico, na Pré-história, era da qual se encontram muitos vestígios. Existem inúmeros vestígios romanos, levando a crer que este império tenha dominado a região nos primeiros séculos da nacionalidade. Mação dos três A’s, assim chamado pelas «boas águas, bons ares e bom azeite», tem um Património Natural onde se destaca a pureza das suas águas que correm por entre as verdes Serras de Santo António e de Amêndoa, que proporcionam espaços de lazer de reconhecido interesse e as suas qualidades medicinais, que ajudam na cura de doenças de pele e fígado (Termas da Ladeira). O ar puro advém da densa florestação de Pinheiro Bravo, que cobre todo o concelho e o azeite dos olivais alinhados pelas serras. * Informações disponibilizadas no site da câmara municipal www.cm-macao.pt

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Médio Tejo