uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Casos de diabetes estão a crescer na região graças à má alimentação e sedentarismo
MASCOTE. A professora Martinha Pereira (à esquerda) recebeu de Mónica Reis (ao centro) o troféu com a forma da mascote realizada pelos alunos do 5ºB da EBI do Carregado

Casos de diabetes estão a crescer na região graças à má alimentação e sedentarismo

Hospital Vila Franca de Xira e centros de saúde lançaram campanha de prevenção. A diabetes, doença crónica associada a várias complicações graves de saúde, está a aumentar na região de Lisboa e Vale do Tejo, representando uma taxa de incidência de 10,7 por cento (%) da população, a segunda mais elevada do país.

Edição de 05.04.2017 | Sociedade

Os números são do observatório anual da Sociedade Portuguesa de Diabetologia revelados na manhã de 3 de Abril à margem da apresentação de uma grande campanha de sensibilização das crianças para a diabetes, lançada pelo Hospital Vila Franca de Xira e o Agrupamento de Centros de Saúde do Estuário do Tejo (ver caixa).
Mónica Reis, médica responsável pela consulta de diabetes no hospital vilafranquense, confirma que a diabetes tipo 1 e tipo 2 tem aumentado todos os anos naquela unidade que serve os concelhos de Alenquer, Azambuja, Benavente, Arruda dos Vinhos e Vila Franca de Xira. Só a região do Alentejo, com 11,3%, supera os números de Lisboa e Vale do Tejo.
A prevalência nacional da doença é de 13% da população e 7,5% das pessoas não sabe que tem diabetes. “Só quando chegam ao hospital com um problema de saúde acabam por ver diagnosticada a doença”, lamenta Mónica Reis, lembrando que a prevenção é a melhor arma.
“As pessoas estão mais despertas para a necessidade de manterem hábitos de vida saudável mas muitos adultos ainda acham que a doença não os vai afectar. A diabetes tem aumentado de forma progressiva e está associada a hábitos de vida não saudável, má alimentação com demasiada ingestão de açúcar e hidratos de carbono, comida de má qualidade, sedentarismo e obesidade”, alerta a O MIRANTE.
Também entre as crianças a doença tem aumentado mas não de forma tão expressiva. O hospital tem uma equipa com médico, enfermeiro, nutricionista, dietista e psicólogo para acompanhar algumas das necessidades mais específicas dos doentes.
A diabetes é uma doença crónica que resulta do aumento dos níveis de açúcar no sangue, por alteração da produção ou acção da insulina. Sede intensa, fome constante, urinar várias vezes ao dia, boca seca, cansaço e visão turva são sintomas da doença.

Campanha de prevenção nas crianças

O Hospital Vila Franca de Xira e o Agrupamento de Centros de Saúde Estuário do Tejo lançaram uma grande campanha de sensibilização de prevenção da diabetes infantil nos concelhos servidos pelo hospital. “A ambição é conseguir nas próximas gerações inverter este cenário de crescimento da doença e se não baixar os números pelo menos conseguir mantê-los”, explica Mónica Reis. A campanha assenta numa criança super-herói - o “herói Diabete” - que nasceu de um concurso de desenho lançado pelas duas entidades junto das turmas do 2º ciclo de escolaridade dos cinco concelhos servidos pelo hospital. A turma vencedora da mascote acabou por ser o 5ºB da Escola Básica e Integrada do Carregado, Alenquer, que foi simbolicamente premiada com um troféu na manhã de segunda-feira, 3 de Abril. O troféu foi entregue por Mónica Reis à professora responsável pela turma, Martinha Pereira, que garantiu que a ideia para o super-herói partiu das crianças.

Casos de diabetes estão a crescer na região graças à má alimentação e sedentarismo

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...