uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Máquina obsoleta continua à espera de ser removida em Vila Franca de Xira
QUEIXAS. Moradores não gostam de ver a antiga máquina do Infocid a degradarse junto ao passeio

Máquina obsoleta continua à espera de ser removida em Vila Franca de Xira

Há quase uma década que o equipamento está à mercê do vandalismo. Moradores e comerciantes não concordam com o abandono da estrutura e pedem a sua remoção. Município diz que o vai fazer “logo que possível”.

Edição de 05.04.2017 | Sociedade

A velha máquina de informação ao cidadão - Infocid - de Vila Franca de Xira, está há 17 anos há espera de ser retirada da fachada de um edifício municipal na avenida Pedro Victor, no centro da cidade. Alguns moradores e comerciantes não escondem o desalento de ver o equipamento ao abandono e à mercê do vandalismo e pedem que, de uma vez por todas, seja removido.
A máquina foi instalada em 1999 e prestava um leque de informações úteis aos cidadãos, em várias áreas da sociedade. Mas deixou de funcionar logo um ano depois, ainda antes do organismo que a geria, o Sistema Inter-departamental de Informação ao Cidadão, se extinguir. As consultas permitiam o acesso a Diários da República, informações sobre os órgãos constituintes do Estado, impostos, informação jurídica, documentos e publicações nacionais.
A máquina, um aparelho de ecrã táctil semelhante a um multibanco, permitia ainda a localização e contactos de organismos públicos. Contudo, por não ser apelativo, nunca beneficiou de grande popularidade junto da população e foi rapidamente ultrapassado por novas e modernas tecnologias.
O projecto Infocid assentava na premissa de que a tecnologia deveria servir o cidadão. Foram instalados mais de 400 postos de informação por todo o país, a maioria acabou desactivada e vandalizada. O posto de Vila Franca de Xira é um dos últimos modelos.
“Há dias em que só de passar ali é um nojo ver aquele ecrã todo cuspido e vandalizado, não é apelativo, não é bonito e não cativa quem vem aqui fazer compras”, lamenta um comerciante da zona a O MIRANTE. Otília Nunes, que vive nas proximidades, concorda. “É triste ver aquilo ali estragar-se e sem destino”, refere.
Há oito anos atrás, quando O MIRANTE também deu eco do descontentamento de alguns populares sobre o tema, a câmara afiançava estar em contactos com a entidade responsável pelo equipamento com vista à sua desactivação definitiva mas até aos dias de hoje tudo ficou na mesma. Agora, contactado pelo nosso jornal, o município explica novamente que irá proceder, “logo que possível”, à retirada do equipamento mas também não se compromete com datas.
Acrescenta também a autarquia que o edifício onde a máquina se encontra tem uma requalificação prevista no âmbito do Programa Estratégico de Desenvolvimento Urbano através de fundos comunitários do programa de apoio Portugal 2020.

Máquina obsoleta continua à espera de ser removida em Vila Franca de Xira

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...