uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
O MIRANTE e a TAP fizeram uma mãe ainda mais feliz no dia que lhe era dedicado
INICIATIVA. Director editorial de O MIRANTE entrega prémio na presença da directora clínica do Hospital de Santarém, Maria Lopes, e da médica Madalena Nogueira

O MIRANTE e a TAP fizeram uma mãe ainda mais feliz no dia que lhe era dedicado

Cátia Lima foi a primeira a dar à luz no distrito no Hospital de Santarém e ganhou uma viagem para a família

Edição de 11.05.2017 | Sociedade

Cátia Lima foi mãe do primeiro bebé nascido no Dia da Mãe no distrito, na maternidade do Hospital de Santarém, e recebeu um presente inesquecível, numa iniciativa da companhia aérea TAP, em parceria com
O MIRANTE. 12 horas depois, à hora da entrega do prémio, uma viagem para a família quando o bebé tiver um ano de idade, Cátia ainda não tinha visto o filho porque este tinha nascido com insuficiência respiratória e estava a ser acompanhado no serviço de Neonatologia mas sem complicações de maior. O pai da criança, para acalmar a ansiedade da mãe, teve a ideia de tirar umas fotos do Lourenço para lhe mostrar.
Cátia, 34 anos, é instrutora de fitness, natural de Lisboa, está a residir há sete anos em Santarém, onde arranjou trabalho na sua área. Por cá tem ficado e não pensa para já sair porque gosta da cidade. Mora muito perto do hospital, onde já teve também o primeiro filho há três anos. Agora não quer voltar a engravidar. Lourenço nasceu às 3h40, cerca de 10 horas após a mãe ter entrado na maternidade de Santarém, com 3,280 quilos e 38 semanas. Na altura em que recebeu o prémio das mãos do director editorial de O MIRANTE, António Palmeiro, a mãe não escondia a sua felicidade e dizia que só lhe custava o facto de ainda não ter visto o bebé.
A mãe refere que quando entrou falaram-lhe logo no prémio da TAP, no âmbito da iniciativa Abraçar Portugal, no Dia da Mãe, mas ela pensava que era brincadeira porque prémios deste tipo só costumam ser dados no primeiro dia do novo ano. “Depois toda a gente me falava no prémio e comecei a acreditar e fiquei na esperança que o Lourenço fosse o primeiro a nascer no distrito, o que aconteceu e me deixou muito contente”, conta Cátia Lima. “É um momento importante e que vai ser recordado. Além do marco de ter nascido no Dia da Mãe ainda tivemos um prémio”, acrescenta.
O nome do segundo filho de Cátia foi escolhido pelo irmão do bebé. O parto ocorreu no bloco temporário uma vez que o bloco da maternidade vai entrar em obras. A directora clínica do Hospital de Santarém, Maria Lopes, que esteve presente na entrega do prémio, conta que o bloco já é da altura da construção do hospital e que estava já a precisar de melhorias, o que vai acontecer para dar ainda mais condições às parturientes. Cátia confirmou que foi muito bem atendida.
Com esta iniciativa, a companhia aérea pretendeu homenagear todas as mães de Portugal, nos 18 distritos do país e nas duas regiões autónomas. A TAP baptizou os novos aviões com os nomes das capitais de distrito e a família do pequeno Lourenço vai viajar no avião Santarém.

O MIRANTE e a TAP fizeram uma mãe ainda mais feliz no dia que lhe era dedicado

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...

    Capas

    Assine O MIRANTE e receba o Jornal em casa
    Clique para fazer o pedido