uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Campanha eleitoral só mobiliza candidatos, família e amigos?

Edição de 06.09.2017 | O MIRANTE dos Leitores

Estamos a menos de um mês das eleições autárquicas e daquilo que vou lendo e vendo aqui pelo nosso Ribatejo parece que a mobilização em torno das candidaturas se resume aos candidatos, família e amigos.
Sei que há muitos eleitores atentos e eu sou um deles mas numa altura destas em que a intolerância habitual em relação ao pensamento do próximo se agrava e se inflama de tal forma que qualquer opinião é considerada um insulto e cada pessoa que a exprime um inimigo a abater, quem é que se quer dar ao trabalho de lavar cabeças a burros, gastando dinheiro em sabão e arriscando-se a levar coices?
As generalizações são abusivas mas, neste campo, particularizar manifestações de tolerância e bom senso é missão praticamente impossível. Nas autárquicas de 2013 a abstenção no distrito de Santarém foi de 47 por cento. Com os votos nulos e em branco pode dizer-se que só votaram nas listas propostas nos 21 concelhos metade daqueles que estavam inscritos nos cadernos eleitorais.
Da parte dos partidos políticos não houve nenhum sobressalto especial. A situação parece-lhes normal a ter em conta o que fizeram depois disso. O número de eleitores diminuiu em todos os concelhos menos Benavente mas também não houve qualquer reacção ou manifestação pública de preocupação. Que raio de autismo será este?
Bruno Cristóvão

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...