Autárquicas 2017 | 04-10-2017 10:40

PS reforça maioria absoluta em Torres Novas à custa da CDU

PS reforça maioria absoluta em Torres Novas à custa da CDU

Pedro Ferreira reconduzido para mais um mandato à frente da câmara torrejana, onde o PS conta com mais um eleito. PSD e BE mantêm vereadores.

O Partido Socialista (PS) reforçou a maioria absoluta em todos os órgãos autárquicos no concelho de Torres Novas após as eleições de domingo, 1 de Outubro, ganhando mais um vereador para o executivo camarário. O partido liderado pelo actual presidente, Pedro Ferreira (PS), obteve 8.853 votos (51,27%), mais 1.213 votos que em 2013, ficando agora com cinco vereadores. Uma das surpresas da noite neste concelho foram a subida do Bloco de Esquerda, que conquistou mais 801 votos que em 2013, contabilizando desta vez 2.498 votos, passando a terceira força política mais votada, a apenas 67 votos do PSD, que obteve 2.565. BE e PSD conseguem ambos um vereador no executivo.
A outra surpresa da noite foi a perda de um vereador por parte da CDU, que há vários mandatos tinha sempre um eleito na câmara. Desta vez, a CDU – que candidatou a arqueóloga Filipa Rodrigues – passou para quarta força política com 1.606 votos (9,30%). Em 2013 foi terceira força política com 2.742 votos (16.03%). Nestas eleições autárquicas ficou à frente apenas do CDS que conquistou 745 votos (4,31%).
Também para a Assembleia Municipal de Torres Novas o PS conseguiu eleger mais dois membros, passando a ter 11. O PSD fica com quatro eleitos, o BE mantém os três eleitos e a CDU perde dois eleitos, passando a ter dois representantes. O CDS mantém o seu único representante.
Em relação às juntas de freguesia, apenas Assentiz não foi conquistada pelo PS, tendo vencido, como há quatro anos, o movimento independente GIFA com 746 votos. Em Riachos, a junta deixa de ser liderada pelo movimento independente e passa para o PS que venceu com 1395 votos. As restantes oito freguesias mantêm-se com autarcas socialistas.

Presidente lamenta saída de vereadora da CDU
Pedro Ferreira era um homem satisfeito na noite de domingo após ter conhecimento dos resultados eleitorais no seu concelho e do reforço da maioria absoluta na câmara que preside há quatro anos. A O MIRANTE, o autarca congratulou-se por o PS ter conseguido colocar mais um vereador no executivo municipal, lugar que será ocupado por Carlos Ramos. “Agradeço aos torrejanos por terem confiado na nossa equipa”, disse. Pedro Ferreira lamentou ainda a saída da vereadora da CDU do executivo municipal.
Por volta das 11h00, o autarca votou com acompanhado pela mulher , Zélia Maria, e pela filha, Sara. Nessa altura, disse a O MIRANTE estar confiante que os torrejanos iriam dar um bom resultado aos socialistas, o que se veio a verificar.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1351
    16-05-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1351
    16-05-2018
    Capa Médio Tejo