uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Peixes-gato

Peixes-gato

Bruno Bértolo, campeão de windsurf que pratica a modalidade no Tejo na zona de Alhandra, alerta que os peixes mortos a boiar no rio são um risco para a segurança de quem se desloca numa prancha à vela a alguma velocidade. Uma situação que o Guarda-Rios desconhecia. “A 60 km/hora, bater neles é o suficiente para nos magoarmos a sério. É como ir de mota e bater num gato, é uma paragem demasiado brusca”, conta o atleta. Felizmente não há baleias nem cachalotes no Tejo, senão imaginem o que não seria...

Edição de 18.10.2017 | Guarda Rios
Peixes-gato

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...