Sociedade | 19-01-2005 10:28

Fiscalização atenta ao mercado de Azambuja

A Inspecção-Geral das Actividades Económicas vai visitar o mercado mensal de Azambuja em Fevereiro ou Março para verificar se foram corrigidas as inconformidades verificadas em Novembro de 2004. Na altura, os inspectores detectaram situações irregulares que, no entanto, não mereceram qualquer coima ou contra-ordenação.Em causa está o manuseamento de géneros alimentares como a fruta e o pão pelos comerciantes sem utilização de um plástico. A acção foi acompanhada por fiscais e uma jurista da Câmara de Azambuja, além do veterinário municipal.No entender do vereador com o pelouro do mercado mensal na autarquia azambujense, apesar de se terem detectado situações menos correctas, ninguém foi autuado. Segundo José Manuel Pratas, “agora, quem não cumprir as regras, será alvo de contra-ordenações”.Uma posição que desagradou ao vereador do PSD no executivo municipal. Jorge Lopes considerou que perante os factos verificados em Novembro, a autarquia fechou os olhos a ilegalidades, “abrindo um precedente em relação a todas as obras ilegais que ocorrem pelo concelho”.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1380
    05-12-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1380
    05-12-2018
    Capa Médio Tejo