Sociedade | 07-04-2006 12:51

"Massagistas" ilegais detidas em Samora Correia

Duas imigrantes brasileiras foram surpreendidas na quinta-feira à noite em Samora Correia quando se preparavam para massajar dois clientes num apartamento arrendado na Urbanização do Arneiro dos Corvos para funcionar como centro de “massagens e prazer”. Os alegados clientes foram identificados pela GNR de Samora Correia. As mulheres de 25 e 33 anos, naturais do Rio de Janeiro e Belo Horizonte, estavam em situação ilegal e foram notificadas pelo Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) para deixar o país no prazo de 20 dias.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1381
    13-12-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1381
    13-12-2018
    Capa Vale Tejo