Sociedade | 29-07-2008 09:04

Tribunal suspende direcção da Fundação Dr. Francisco Cruz por gestão danosa

Os corpos gerentes da Fundação Dr. Francisco da Cruz, sedeada na Praia do Ribatejo, V. N. da Barquinha, foram suspensos de funções pelo Tribunal do Entroncamento, devido à prática de diferentes "actos de gestão lesivos dos interesses da Fundação e dos seus beneficiários".O despacho judicial da última quinta-feira, a que O MIRANTE teve acesso, baseou-se numa providência cautelar do Ministério Público (MP) e que é preliminar da acção principal para destituir os responsáveis da fundação, cujo presidente da direcção é António Matos Valente, médico de profissão.O Ministério Público fundamenta a sua pretensão dando conta das divergências internas ocorridas entre a direcção e os membros do conselho fiscal e realçando a existência de variadas irregularidades nas contas da instituição.Mais desenvolvimentos na edição semanal

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Médio Tejo