Sociedade | 04-09-2010 00:14

Crianças da margem sul vão para a escola em Constância de comboio

O Ministério das Obras Públicas já deu indicações à CP para assegurar o transporte ferroviário entre as duas margens do Tejo das crianças do concelho que residem na margem sul e frequentam a Escola Luís de Camões, em Constância, na margem norte. Essa medida foi anunciada esta sexta-feira e é uma resposta aos transtornos causados pelo encerramento do tabuleiro ferroviário da ponte sobre o Tejo que liga Constância Sul e Praia do Ribatejo (Vila Nova da Barquinha). O transporte ferroviário das crianças será feito entre as estações de Santa Margarida e Praia do Ribatejo, atravessando o Tejo na ponte ferroviária que em 1988 foi adaptada também à circulação de automóveis. Entre Praia do Ribatejo e a escola em Constância o transporte será feito por autocarro. O Ministério das Obras Públicas informa que será assinado em breve um protocolo com o Ministério da Educação e a CP “para fixar as condições e o financiamento do transporte escolar”. Na mesma nota à comunicação social, o Ministério das Obras Públicas diz que “tem feito todas as diligências no sentido de minimizar os impactos do encerramento” da ponte e para “encontrar soluções que permitam restabelecer a circulação na ponte”. Esclarece ainda que após se conhecerem os resultados da inspecção feita à ponte pela Refer – onde se concluiu não existirem condições de segurança para circulação no tabuleiro rodoviário – foi solicitado “de imediato” à Estradas de Portugal que efectuasse uma análise de risco à ponte. As conclusões, segundo o ministério, serão conhecidas dentro de dois meses e vão determinar qual a intervenção necessária. O Ministério das Obras Públicas pretende ainda recuperar um protocolo de entendimento visando uma intervenção no tabuleiro e o respectivo financiamento, que previa o recurso a fundos europeus. Esse acordo envolve também os municípios de Constância e de Vila Nova da Barquinha, que são servidos pela ponte, a Refer e a Estradas de Portugal, “Este processo está a decorrer, esperando-se para breve a sua conclusão”, conclui o Ministério das Obras Públicas.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Médio Tejo