Sociedade | 05-05-2012 18:05

Empresário de Santarém em prisão preventiva por tráfico

O empresário que explora o bar no miradouro de S. Bento em Santarém, detido por indícios de tráfico de droga, vai aguardar julgamento em prisão preventiva. A medida de coacção foi aplicada pelo juiz de instrução criminal que o ouviu em primeiro interrogatório esta sexta-feira.José Vitorino foi detido no âmbito de uma investigação da PSP de Lisboa que fez várias buscas em Santarém e deteve mais seis alegados cúmplices do empresário que está indiciado também no caso da máfia do Oeste por crimes de detenção de arma proibida, receptação e falsidade de documento. Vitorino é suspeito de ser o cabecilha de uma rede que se dedicava ao tráfico de droga nas zonas de Santarém e Lisboa. Já em 2010 num processo julgado no Tribunal de Santarém, que culminou com a sua absolvição, o empresário era acusado de associação criminosa por liderar uma rede de tráfico. Situação que não ficou provada. Na altura o dono do bar tinha sido detido pela Polícia Judiciária. Agora a PSP levou meses a vigiar os seus passos e ligações, tendo recorrido a escutas telefónicas.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1360
    19-07-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1360
    19-07-2018
    Capa Vale Tejo