Sociedade | 10-10-2013 00:10

Relatório aponta falhas graves na contabilidade da Câmara de Almeirim

Uma auditoria externa às contas de 2012 da Câmara de Almeirim aponta “graves falhas e deficiências” que violam as regras do Plano Oficial de Contabilidade das Autarquias Locais (POCAL) e contrariam a Lei das Finanças Locais.Revela que a situação mais crítica se prendia com as contas de fornecedores, havendo no final do ano passado 1,1 milhões de euros que não estavam contabilizados e que mascararam os resultados financeiros da autarquia.O relatório aponta irregularidades com despesas na área dos transportes e na forma como as contas bancárias eram movimentadas, situação que entretanto foi regularizada.Várias recomendações feitas no relatório concluído em Agosto deste ano 2013 já foram realizadas e o presidente cessante do município, Sousa Gomes, conseguiu entretanto pagar várias dívidas e regularizar uma série de deficiências. Neste momento a autarquia está a pagar aos fornecedores a 30 dias. CONHEÇA AS SITUAÇÕES APONTADAS NA AUDITORIA NA EDIÇÃO SEMANAL EM PAPEL DESTA QUINTA-FEIRA.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1380
    05-12-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1380
    05-12-2018
    Capa Médio Tejo