Sociedade | 08-12-2013 00:23

Sócios da Casa do Benfica em Alverca expulsam dirigentes por má gestão

O presidente, vice-presidente e o tesoureiro da direcção da Casa do Benfica em Alverca, foram exonerados como dirigentes e expulsos de sócios da colectividade, por terem permitido que a entidade acumulasse dívidas na ordem dos quatro mil euros.Os dirigentes tinham sido eleitos para o mandato 2007-2010 mas mantinham-se em funções porque não tinham aparecido interessados em assumir a gestão da casa. A decisão foi tomada em assembleia geral. Na mesma sessão foi constituída uma comissão administrativa composta por cinco elementos para estabilizar a Casa do Benfica e vir a convocar eleições para os órgãos sociais até Abril de 2014.Os actuais dirigentes da comissão administrativa têm conseguido resolver os problemas criados por inúmeras dívidas dos seus antecessores, a última das quais bateu à porta há uma semana no valor de 1500 euros correspondentes a três anos sem o pagamento do Imposto Municipal sobre Imóveis (com multas e juros de mora), correspondentes à propriedade da sede da Casa do Benfica em Alverca.* Notícia completa na edição semanal de O MIRANTE.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Médio Tejo