Sociedade | 08-12-2013 14:47

Terra das Mouriscas dá vegetais de grandes dimensões

Uma abóbora com cerca de 78 quilos foi o último vegetal de grandes dimensões a sair do terreno de Pedro Matos, um jovem agricultor nas horas vagas residente em Mouriscas, concelho de Abrantes. Mas esta não foi a maior abóbora que teve este ano. “Já tive outra ainda maior, mas que foi roubada porque se encontrava num terreno junto à estrada”, diz.Para Pedro Matos, 23 anos, a produção de vegetais com dimensões fora do normal não é nada de estranho pois desde sempre se lembra de, no seu terreno, no Vale da Esteva, em Mouriscas, nascerem abóboras e outros vegetais com tamanhos grandes. E qual é o segredo? “A terra e o carinho com que são tratados”, responde.Apesar de já terem surgido propostas para a compra da abóbora de 78 quilos, Pedro Matos diz que o exemplar não está à venda.* Notícia completa na edição semanal de O MIRANTE.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1381
    13-12-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1381
    13-12-2018
    Capa Vale Tejo