Sociedade | 18-12-2013 12:09

Polícia chamada à Escola Sá da Bandeira de Santarém para libertar professores

Lara Neto foi retida meia hora dentro da escola até chegar a PSP
A PSP de Santarém teve que intervir esta manhã para permitir a saída de dois professores que estavam retidos dentro da Escola Secundária Sá da Bandeira, na cidade. Os professores estavam dentro da sala e desistiram de fazer a prova para professores com menos de cinco anos de profissão. Lara Neto, professora nas Actividades Extra Curriculares no agrupamento Ginestal Machado, contou a O MIRANTE que desistiu de fazer a prova e foi impedida de sair da sala pelos colegas professores que estavam a vigiar a prova. Ao fim de algum tempo conseguiu sair mas chegada ao portão de entrada da escola foi barrada por outro professor e funcionária da escola. A polícia quando chegou ao local identificou os envolvidos e “disse que quem quer sair da escola é livre de o fazer”, conta Lara Neto. A situação, que durou cerca de meia hora, provocou uma contestação de alguns professores que se concentraram em frente à escola.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Médio Tejo