Sociedade | 12-08-2015 16:52

Hospitais do Médio Tejo estiveram sem sistema informático durante mais de 24 horas

Os hospitais do Centro Hospitalar do Médio Tejo (CHMT) - Abrantes, Tomar e Torres Novas - estiveram sem sistema informático durante mais de um dia. Este problema impediu os médicos de acederem ao histórico e medicação prescrita aos doentes.A situação causou grande transtorno aos serviços médicos, de enfermagem e aos utentes uma vez que, com os serviços informáticos em baixo, não foi possível aceder ao histórico dos pacientes, às terapêuticas prescritas nem aos resultados das análises e exames radiológicos.Foi tudo feito de modo manual e a consulta aos resultados de análises ou raio x teve de ser feita uma a uma, percorrendo o hospital para ir consultar as análises ao local onde está cada laboratório.Segundo o conselho de administração do CHMT a situação foi normalizada cerca das 15h00 desta quarta-feira, 12 de Agosto. O problema teve origem numa intervenção da EDP, realizada no exterior da unidade hospitalar de Torres Novas, com corte de corrente eléctrica, que ao ser reactivada provocou um pico de energia que afectou vários equipamentos, com particular incidência nos sistemas de informação".

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Médio Tejo