Sociedade | 21-02-2016 14:14

Estrada Nacional 10 em Alverca e Póvoa vai transformar-se em avenida urbana

Estrada Nacional 10 em Alverca e Póvoa vai transformar-se em avenida urbana

Projecto ambicioso deverá ficar concluído até ao final do próximo ano.

Os troços da Estrada Nacional 10 entre a rotunda das silveiras e a Malvarosa (em Alverca) e entre a rotunda dos Caniços e o limite do concelho de Vila Franca de Xira (na Póvoa de Santa Iria) vão ser transformadas em avenidas urbanas. A intenção do município é privilegiar a mobilidade, os peões e as bicicletas. Mas acredita também que a fluidez do trânsito automóvel sairá beneficiada. São boas notícias para os milhares de condutores que, todos os dias, atravessam estas zonas fortemente congestionadas da estrada nacional, sobretudo nas horas de ponta. A informação foi avançada na última reunião pública de câmara pelo vice-presidente do município, Fernando Paulo Ferreira. Além de um aumento na arborização poderá também ser estudado um aumento de vias, criação de ciclovias e um reforço do atravessamento pedonal. "O projecto será anunciado em tempo e as pessoas hão-de tomar contacto com ele. Ainda não está pronto. A nossa intenção é criar nessas zonas da estrada nacional uma verdadeira avenida. No âmbito das Áreas de Regeneração Urbana já reservámos espaço para essa operação", informou o autarca.A câmara quer "um espaço plenamente urbano" e garante que o projecto será discutido até final de 2017. "Prevemos que melhore a circulação e sobretudo a segurança dos peões, a Estrada Nacional 10 já é hoje uma via completamente urbana, queremos melhorar ainda mais essa vertente. Até no âmbito da rede de ciclovias municipais que estão previstas no nosso plano de mobilidade e que pretendemos criar ao longo do concelho", explica. O excesso de trânsito neste troço da estrada nacional não é um problema novo. Ainda em Janeiro os moradores da Póvoa de Santa Iria e do Forte da Casa se queixavam da falta de mobilidade de pessoas e transportes na localidade, sobretudo por causa do trânsito automóvel intenso que se verifica diariamente na estrada nacional. Essa preocupação ficou também espelhada numa moção apresentada pela CDU na assembleia de freguesia da união de freguesias local.No documento, que alerta para a "falta de alternativas à N10, o que provoca um congestionamento diário", defende-se a abolição de portagens entre Alverca e Vila Franca de Xira "como uma necessidade premente". Além desta proposta, surge igualmente o pedido para que sejam construídos "nós de acesso à Auto-estrada do Norte na zona do Sobralinho e de Vialonga, além da construção de variantes à N 10 em Alverca, Vila Franca de Xira e Póvoa de Santa Iria". A moção foi aprovada por unanimidade pela assembleia e foi ainda reforçada por alguns populares que relataram problemas em concreto.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1376
    07-11-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1376
    07-11-2018
    Capa Vale Tejo