Sociedade | 06-04-2016 13:46

Na "Serração das Velhas" de Ortiga foram "serradas" cinco avós

Em Ortiga, freguesia do concelho de Mação, aconteceu mais uma vez a Serração das Velhas, na noite de quarta-feira da Quaresma. Trata-se de uma actividades cíclica colectiva que se perde na memória dos homens. As velhas são as mulheres que tiveram a felicidade de ser avós no decurso de tempo que mediou entre a 4ª quarta-feira de Quaresma do ano anterior e a do ano seguinte. Este ano a festividade teve início pelas nove da noite de 2 de Março e prolongou-se pela madrugada do dia seguinte. Mais de vinte adolescentes e adultos serraram cinco velhas. A atestar o profundo sentir do momento, todas estiveram presentes embora tenham tido que se deslocar dos locais onde residem ou trabalham, nomeadamente de Santarém, Castelo Branco e Proença a Nova para a tradição fosse preservada. Em Ortiga, a Serração das Velhas é um hino à vida. Serra-se "a árvore", o "pinheiro vai ao chão", chora-se e lamenta-se o facto da mulher ter atingido a velhice mas logo de seguida enaltece-se o nascimento da criança, deseja-se-lhe as maiores felicidades para a vida futura, sempre sem deixar de estar presente as felicitações pelo facto de, embora velha, ter promovido a existência da vida, ali bem presente na criança nascida.Isto acontece, num primeiro momento, em plena via pública frente à casa de habitação da velha que está a ser serrada, sempre sob choros, ais, lamentações e o insubstituível ruído de uma serra serrando um cortiço, produzindo o som característico do abate de uma árvore.Terminada a ladainha, o silêncio que se lhe segue é interrompido pela velha que, e aqui tem início o segundo momento. Ilumina-se a habitação, abre-se a porta de casa para a todos agradecer a presença, convidam-se a entrar e a partilhar os petiscos que foram preparados e estão na mesa, bem como as bebidas. O convívio é importante factor no reforço e aprofundamento do espírito identitário da comunidade.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Médio Tejo