Sociedade | 04-11-2016 09:48

Julgamento do acidente que deixou jovem paraplégico com nova data

Julgamento do acidente que deixou jovem paraplégico com nova data
LENTIDÃO

Após três adiamentos, está previsto que a primeira sessão aconteça no dia 19 de Dezembro no Tribunal do Cartaxo.

Foi agendada para 19 de Dezembro a primeira sessão do julgamento de Gonçalo Neves, também conhecido por "Tofu", que em Setembro de 2011 sofreu um acidente de viação, após um camião ter embatido na traseira no seu carro na zona de Vila Chã de Ourique, concelho do Cartaxo. A família de Gonçalo, que ficou paraplégico, continua a aguardar que o julgamento se inicie no Tribunal do Cartaxo.

O julgamento já foi desmarcado e adiado três vezes. Da última vez, os pais do jovem acidentado, Óscar Neves e Sandra Martins, foram notificados do facto de não haver data marcada para o início do julgamento. Agora, aguardam e esperam que não haja mais nenhuma alteração e que o julgamento comece mesmo no dia 19 de Dezembro.

"Em Julho de 2014, em sede de instrução, o juiz dá como provados os factos apresentados por nós. Que o Gonçalo estava parado com o carro na berma, que o camião que embateu por trás no carro do nosso filho circulava em excesso de velocidade e que o motorista ia distraído. O camionista é indiciado pela prática dos crimes e o processo segue para julgamento. Cinco anos depois ainda não há data para o seu início", criticaram os pais de Gonçalo Neves em Setembro deste ano a O MIRANTE.

* Notícia completa na edição semanal de O MIRANTE.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1355
    13-06-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1355
    13-06-2018
    Capa Médio Tejo