Sociedade | 12-05-2017 20:38

Funeral de bancário de Santarém Carlos Paixão só deve ser na terça-feira

Funeral de bancário de Santarém Carlos Paixão só deve ser na terça-feira

Carlos Paixão faleceu num acidente de viação em Mora na quinta-feira

O funeral do bancário Carlos Paixão, que morreu na quinta-feira num acidente de viação em Mora, deve realizar-se na terça-feira. A autópsia está marcada para segunda-feira, pelo que nesse mesmo dia deve ser marcado o funeral, segundo informação de familiares.

Carlos Paixão, funcionário da Caixa Geral de Depósitos (CGD) de Santarém na pré-reforma, e pessoa bastante conhecida na cidade, viajava com um amigo na Estrada Nacional 251, entre Mora e Pavia, no distrito de Évora. O carro em que seguiam sofreu um violento embate de uma viatura conduzida por uma funcionária da CGD de Mora, que ficou com ferimentos ligeiros.

Carlos Paixão, natural de Santarém, tinha 55 anos. O carro em que seguia, no lugar do pendura, era conduzido por José Luís Dionísio, que está em estado grave.

Mais Notícias

    A carregar...
    Para celebrar o 38º aniversário do Serviço Nacional de Saúde (SNS)
    Foto do Dia
    Para celebrar o 38º aniversário do Serviço Nacional de Saúde (SNS), que se comemorou a 15 de Setembro, o Centro Hospitalar do Medio Tejo promoveu rastreios à população em Torres Novas e Abrantes e realizou também um workshop em Tomar sobre alimentação saudável. Em Abrantes e Tomar as actividades realizaram-se no Mercado Municipal, enquanto que em Torres Novas decorreram na Praça 5 de Outubro.
    Foto do Dia | 21-09-2017

    Edição Semanal

    Edição nº 1315
    06-09-2017
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1315
    06-09-2017
    Capa Médio Tejo