Sociedade | 19-05-2017 14:28

Tomar continua sem circuitos turísticos de trens de cavalos

Presidente do município justifica que não existem pedidos para atribuição de licença.

A coligação PS/CDU no executivo municipal de Tomar chumbou a proposta dos vereadores do PSD para restabelecimento dos circuitos turísticos de trens puxados por cavalos. A presidente da Câmara de Tomar, Anabela Freitas (PS), justificou a decisão da maioria com o facto da proposta não ter fundamento.

“O regulamento municipal dos circuitos turísticos de trens a cavalo na cidade de Tomar encontra-se em vigor. A sua revogação não foi deliberada. Não existe, até ao momento, qualquer pedido de atribuição de licença. Para os circuitos turísticos de trens a cavalo funcionarem é necessário que os operadores peçam licença no município e até agora isso não aconteceu”, explicou a autarca.

Os vereadores do PSD, João Tenreiro e Beatriz Schulz, na proposta apresentada, referiram que é fundamental que exista esta actividade turística para impulsionar uma maior qualidade aos turistas que visitam Tomar.

* Notícia completa na edição semanal de O MIRANTE.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1325
    15-11-2017
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1325
    15-11-2017
    Capa Vale Tejo