Sociedade | 30-10-2017 17:22

Nuno Paulino deixa de comandar GNR no distrito

Nuno Paulino deixa de comandar GNR no distrito

Coronel natural de Alpiarça vai passar para a reserva

O coronel Nuno Sanfona Paulino, de 55 anos, deixa as funções de comandante da GNR no distrito ao fim de quase cinco anos no cargo, passando à reserva. Natural de Alpiarça, Nuno Paulino foi promovido a coronel em Dezembro de 2012. O oficial anunciou publicamente a sua saída durante as comemorações do dia do comando de Santarém, que este ano decorreram em Coruche.

No discurso, o coronel disse estar orgulhoso por ter “contribuído de uma forma directa para a construção de um verdadeiro sentimento de segurança junto das populações deste distrito”. Nuno Paulino agradeceu a colaboração que teve, durante o exercício das suas funções, de autarcas e instituições, bem como dos oficiais, sargentos, guardas e civis que com ele trabalharam “para que dignificássemos a imagem do Comando Territorial de Santarém e da Guarda Nacional Republicana”, referiu.

Nuno Paulino aproveitou para pedir um reforço de meios para a Guarda no distrito de Santarém de modo a que esta seja “ainda mais proeficiente". Durante as cerimónias, a Câmara de Coruche, entregou uma viatura todo-o-terreno para o serviço do posto de Coruche. “A viatura irá reforçar a capacidade de resposta da GNR em qualquer dos pontos urbanos e rurais do concelho de Coruche”, refere o comando de Santarém.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1351
    16-05-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1351
    16-05-2018
    Capa Médio Tejo