Sociedade | 05-01-2018 17:02

Presidente de Alferrarede reuniu-se com director dos CTT

Administração dos CTT confirmou oficialmente ao presidente a "real intenção de encerramento" do balcão de Alferrarede.

A administração dos CTT confirmou oficialmente ao presidente da União de Freguesias de Abrantes a "real intenção de encerramento" do balcão de Alferrarede, não avançando a data de fecho, disse o autarca Bruno Tomás (PS).

O presidente da Junta de Freguesia de Abrantes (S. Vicente e S. João) e Alferrarede disse ter estado reunido na quinta-feira, "com caráter de urgência", em Lisboa, com o director da Área Comercial e Parceiros dos CTT, onde foi "oficialmente informado da real intenção de encerramento do balcão" em causa, não existindo, no entanto, data anunciada para tal.

O autarca afirmou ter manifestado nesta reunião "incredulidade e discordância" com esta decisão, tendo afirmado que a junta de freguesia, "em nome da população, não se conformará com tal intenção, uma vez que a mesma é lesiva dos interesses dos mais de 18.000 habitantes" da freguesia de Abrantes.

"Todo o executivo da Junta de Freguesia e membros da Assembleia de Freguesia consideram ser absolutamente injustificável tal pretensão, estando neste momento a serem tomadas algumas diligências no sentido de procurar agendar audições com os vários grupos parlamentares representados na Assembleia da República", avançou.

O autarca do PS sustenta que a freguesia a que preside tem mais de 18.000 habitantes, sendo "a mais populosas de Abrantes", no distrito de Santarém, estando o balcão dos CTT "numa zona de expansão da cidade e onde prevalece uma população envelhecida", sendo a alternativa a esta estação de correios uma outra, que existe no centro histórico da cidade, mas com "evidentes prejuízos para as populações em termos de um serviço que se quer de proximidade".

O autarca disse ainda que convocou para esta sexta-feira, 5 de Janeiro, às 19h00, uma reunião de trabalho com todos os membros com assento na Assembleia de Freguesia para "dar conhecimento das diligências efectuadas" e para "definir medidas a tomar, na procura de uma solução favorável para todas as partes" e "trabalhar para que esta intenção de encerramento não se concretize".

Bruno Tomás disse ainda "aguardar com expectativa" a reunião de trabalho "agendada para a próxima semana" entre a presidente da Câmara Municipal, Maria do Céu Albuquerque (PS), e a administração dos CTT.

A autarca disse que, "em causa, está uma grande estação e um serviço público essencial para a população, não só numa zona de expansão da cidade, mas também para muitos clientes oriundos das freguesias mais rurais do concelho", como sejam as freguesias mais a norte, tendo confirmado o pedido de esclarecimentos junto dos CTT.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Médio Tejo