Sociedade | 15-03-2018 12:04

Nelson Carvalho diz que a crise no CRIA é culpa dos outros

Nelson Carvalho diz que a crise no CRIA é culpa dos outros
ABRANTES
Foto O MIRANTE

Humberto Lopes, ex-presidente da instituição de Abrantes, diz que já foi ouvido pela PJ e que foi preciso Nelson Carvalho chegar ao CRIA para que tudo se tornasse insustentável.

O presidente do Centro de Recuperação e Integração de Abrantes (CRIA), Nelson Carvalho, deu uma entrevista à RAL, Rádio Antena Livre, onde assumiu que a situação financeira da instituição é insustentável e acusa as anteriores administrações de serem as culpadas da má gestão que deu origem à actual situação de quase falência.


Humberto Lopes, o anterior presidente do CRIA, ouviu as declarações de Nelson Carvalho e, depois de contactado por O MIRANTE, optou por não comentar “enquanto decorrerem os processos em tribunal”. O ex-presidente da instituição adiantou no entanto que foi ouvido pela Polícia Judiciária (PJ) em Outubro do ano passado no âmbito do processo. Depois de insistentemente convidado a defender-se das acusações de Nelson Carvalho, Humberto Lopes acabou por dizer que esteve 18 anos na instituição e que “em 38 anos de CRIA foi preciso chegar Nelson Carvalho para que a instituição se tornasse insustentável”. “No CRIA temos de contar os tostões, não é como gerir uma câmara municipal”, disse, a terminar, numa alusão ao facto de Nelson Carvalho ter sido presidente da Câmara de Abrantes.

Notícia desenvolvida na edição em papel já nas bancas

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Médio Tejo