Sociedade | 05-04-2018 08:51

Marcelo lamenta morte de José Andrade

Marcelo lamenta morte de José Andrade
Foto O MIRANTE

Chefe de Estado considerou que José Andrade se destacou "pela cordialidade do trato e pela sua luminosa inteligência.

O Presidente da República lamentou hoje a morte do antigo presidente da Confederação dos Agricultores de Portugal (CAP), deputado e autarca José Andrade, considerando que se distinguiu, acima de tudo, como defensor do mundo rural.

José Andrade, que presidiu à CAP entre 1996 e 1999, morreu na terça-feira, aos 69 anos.

Natural de Santarém, foi deputado à Assembleia da República na primeira legislatura, eleito pelo PSD, vereador na Câmara Municipal de Santarém e o primeiro presidente do Centro Nacional de Exposições e Mercados Agrícolas (CNEMA).

"Com um elevado sentido patriótico e um admirável amor à sua terra, o engenheiro José Andrade serviu Portugal ao longo de um percurso de vida em que se distinguiu como deputado à Assembleia da República e como autarca mas, acima de tudo, como um defensor empenhado do nosso mundo rural e os agricultores portugueses", escreveu Marcelo Rebelo de Sousa, numa mensagem publicada no portal da Presidência da República na Internet.

O chefe de Estado considerou que José Andrade se destacou "pela cordialidade do trato e pela sua luminosa inteligência, marcas que ficam na memória de todos os portugueses e, em particular, dos que tiveram o privilégio de o conhecer e de com ele privar".

"À família do engenheiro José Andrade e, bem assim, aos agricultores portugueses e aos dirigentes e associados da CAP, apresento as minhas mais sentidas condolências", acrescentou o Presidente da República.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1356
    20-06-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1356
    20-06-2018
    Capa Médio Tejo