Sociedade | 19-04-2018 16:24

Sistema de senhas bloqueado na Segurança Social de VFX

Sistema de senhas bloqueado na Segurança Social de VFX
Foto O MIRANTE

Há utentes que nunca chegam a ser atendidos.

O bloqueio do sistema de senhas no serviço de atendimento nas instalações da Segurança Social de Vila Franca de Xira está a revoltar os utentes.

O acesso às senhas é bloqueado, a qualquer hora do dia, sem justificação aparente e para piorar a situação o tempo de espera para o atendimento é demorado.

Há quem espere mais de duas horas para ser atendido e quem saia das instalações sem ter sequer conseguido tirar a senha de serviço geral. António Pereira Carvalho, de 54 anos, mora em Vila Franca de Xira e já por três vezes se deslocou ao local, sem conseguir senha para o atendimento geral.

Demonstrou o seu desagrado falando em “arbitrariedade, aleatoriedade e imprevisibilidade no serviço de atendimento”. Sobre o facto de o sistema de senhas se encontrar bloqueado às 15h15, quando o horário de atendimento é até às 16h00, o utente questionou a directora do serviço, Ivone Antunes, que lhe terá respondido que “não há base legal, mas que é uma norma do serviço”. Uma das funcionárias terá ainda respondido que “têm que sair a horas”. Para António Carvalho a situação “não faz qualquer sentido” e já apresentou três reclamações por escrito, no Livro de Reclamações da instituição.

Elídio Silva é outro dos vários utentes a queixar-se da situação. No dia 18 de Abril chegou à Segurança Social antes das 15h00 e o sistema de senhas estava bloqueado.

“Perguntei se havia possibilidade de abrir o sistema. Disseram-me para me sentar, sem garantias de que iria abrir novamente”. O utente acabou por ter a sorte de o sistema reabrir e foi atendido. Menos sorte teve Carina, que não conseguiu ser atendida.

O MIRANTE contactou a chefe de serviço da Segurança Social de Vila Franca de Xira que se recusou a prestar declarações.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1351
    16-05-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1351
    16-05-2018
    Capa Médio Tejo