Sociedade | 11-06-2018 12:57

Dono de café morto a tiro em assalto é da Parreira

Dono de café morto a tiro em assalto é da Parreira
Foto DR

Hemenegildo Varela era comerciante há três décadas em Almada

O dono do café “Anita” baleado mortalmente durante um assalto é da Parreira, concelho da Chamusca. Hemenegildo Varela, de 70 anos, faleceu com dois tiros à queima-roupa no estabelecimento que tinha há três décadas na Cova da Piedade, Almada.

Pessoa sociável e muito ligado à família, Hemenegildo Varela, já tinha sido vítima de assaltos outras quatro vezes. Desta vez, resistiu e foi atingido com dois tiros no abdómen. O crime ocorreu cerca da 19h00 de sexta-feira, 8 de Junho. Na altura, estavam no estabelecimento dez clientes à espera para registarem o Euromilhões e para jantar.

Três indivíduos encapuçados e munidos de uma arma entraram no café e dirigiram-se à esposa do proprietário, que se encontrava junto à caixa registadora. Hemenegildo foi em auxílio da esposa e acabou baleado. Os três assaltantes fugiram do local num carro, levando cerca de 50 euros em dinheiro.

A Polícia Judiciária e está a investigar o caso e já conseguiu encontrar o carro usado no assalto.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1356
    20-06-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1356
    20-06-2018
    Capa Médio Tejo