Sociedade | 13-10-2018 08:19

Não há fome que não dê em fartura

Não há fome que não dê em fartura
O CARTOON DA NOTICIA

A Feira de Outubro em Vila Franca de Xira atrai milhares de visitantes ao parque urbano do Cevadeiro, um recinto à beira-rio. Apesar do espaço fantástico, um dos eternos problemas é a falta de estacionamento.

Para minimizar os problemas a câmara comprou, há vários anos, um terreno contíguo ao nó de acesso à auto-estrada do norte para que as pessoas possam estacionar ali. O problema é que o espaço é um descampado e não tem qualquer orientação para o estacionamento, pelo que cada um pára o carro como onde quiser, levando a situações de conflito nos dias de maior aperto. Sempre atentos a estas matérias, houve logo alguns arrumadores que prontamente trocaram os parques da Quinta da Mina pelo terreno junto à Feira de Outubro para fazerem o trabalho que uma dúzia de seguranças deveriam fazer. O problema é que, como o jornalista de O MIRANTE constatou na quinta-feira, os arrumadores eram tantos que em dado momento eram mais de três a lutar pelo mesmo espaço, com alguns gritos, chapadas e empurrões pelo meio. Como se estacionar o carro não fosse já um problema por ali, agora é preciso também saber fintar a malta da moedinha...

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1381
    13-12-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1381
    13-12-2018
    Capa Vale Tejo