Sociedade | 28-12-2018 12:57

Escuteira de Abrantes entrega Luz da Paz a Marcelo Rebelo de Sousa

Escuteira de Abrantes entrega Luz da Paz a Marcelo Rebelo de Sousa
foto DR

A Luz da Paz é recolhida em Belém, na Palestina, e transportada até Viena de Áustria, a partir de onde é distribuída a todos os países participantes.

Leonor Branco, escuteira do Agrupamento 697 de Rossio ao Sul do Tejo, Abrantes, entregou a Luz da Paz de Belém ao Presidente da República, no final da tarde de domingo, 23 de Dezembro.

A jovem de 10 anos integrou a delegação do Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico que se deslocou à Presidência da República, em Lisboa, acompanhada pela Cáritas Portuguesa.

Escuteiros de diferentes países da Europa e de outros continentes, distribuem a Luz da Paz, acesa em cada ano por uma criança austríaca na Gruta da Natividade de Jesus, em Belém, na Palestina.

A distribuição da Luz da Paz a todos os países participantes é feita a partir de Viena, na Áustria, onde, no mês de Dezembro, é entregue às diferentes delegações para que a façam chegar aos seus respectivos países com uma mensagem de paz, amor e esperança.

Este ano coube à escuteira Leonor Branco trazer a Luz de Viena até à cidade da Guarda, onde a 16 de Dezembro se realizou a cerimónia de distribuição nacional. Uma aventura que permitiu à jovem do Pego, Abrantes, contactar com escuteiros de diversos países.

O Presidente da República salientou a importância dos escuteiros e do trabalho desenvolvido pela Cáritas referindo que “não há paz onde há pobreza, desigualdade, injustiça, intolerância e incompreensão”, realçando que “são os mais novos o futuro da luta contra a pobreza, pela justiça, paz e democracia, num país onde ainda existe mais de um milhão e 800 mil portugueses em situação de pobreza”.

O projecto Luz da Paz de Belém foi lançado pela televisão pública austríaca, no âmbito de um programa social intitulado Light in the Dark (Luz no Escuro), dedicado a pessoas carenciadas na Áustria e em países vizinhos. Progressivamente os escuteiros austríacos fizeram o projecto chegar aos escuteiros de vários países europeus. Em Portugal a Luz da paz é entregue há 16 anos.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1390
    13-02-2019
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1390
    13-02-2019
    Capa Médio Tejo