Sociedade | 13-02-2019 15:00

Associação dos Apicultores do Tejo e Sorraia com sede nas Madeiras

Associação dos Apicultores do Tejo e Sorraia com sede nas Madeiras
foto DR

Antigo jardim de infância da Portela da Laranjeira, concelho de Vila Nova da Barquinha.

A Associação dos Apicultores do Tejo e Sorraia vai instalar a sua sede no edifício do antigo Jardim de Infância da Portela da Laranjeira – Madeiras, na freguesia da Praia do Ribatejo. O protocolo de cedência do espaço foi assinado a 2 de Fevereiro entre a Câmara Municipal de Vila Nova da Barquinha e a Associação dos Apicultores.

O respeito pela apicultura, a partilha de conhecimento e o desenvolvimento da actividade apícula são as linhas mestras da recém-fundada associação, criada na sequência de uma reunião entre 16 apicultores, em Dezembro de 2018. O registo efectuado a 14 de Janeiro.

O objectivo da Associação dos Apicultores do Tejo e Sorraia é desenvolver, promover e divulgar a actividade, contribuir para a difusão do conhecimento científico e elaborar projectos de investigação e formação. O desenvolvimento de acções de divulgação junto da comunidade local, de associações e escolas é outra das apostas, com acções em parceria com Câmara e Junta de Freguesia de Vila Nova da Barquinha e em articulação com a Protecção Civil, nomeadamente para a temática do combate da vespa velutina.

A primeira formação acontece a 23 de Fevereiro, entre as 09h00 e as 15h00 na sede da associação e é dedicada à extracção de processamento de própolis, com a formadora Sandra Barbosa. A 9 de Março há formação sobre a produção de Hidromel, a cargo de Runas Hidromel. Em Abril, nos dias 6 e 7, Francisco Rogão fala sobre a criação de rainhas. Os interessados podem inscrever-se pelo email: aapicultorestejosorrais@gmail.com.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº1391
    20-02-2019
    Capa Médio Tejo
    Edição nº1391
    20-02-2019
    Capa Vale Tejo