Sociedade | 17-03-2019 15:00

Escola de Hotelaria de Fátima seleccionada para nova fase dos prémios “Ciência na Escola”

Projecto apresentado pela EHF visa o desenvolvimento do conceito inovador de “Gastronomia Hospitalar”.

A Escola de Hotelaria de Fátima (EHF) foi seleccionada para a passar à fase de desenvolvimento no 5º escalão de um projecto inovador, no concurso promovido pela Fundação Ilídio Pinho, na 16ª edição dos prémios “Ciência na Escola”. O projecto apresentado pela EHF visa o desenvolvimento do conceito inovador de “Gastronomia Hospitalar”, pretendendo o desenvolvimento de ementas e pratos inovadores, que possam ser nutricionalmente validados como alimentação para unidades hospitalares.

Este projecto surge de uma parceria da EHF com um dos maiores fornecedores de alimentação colectiva em hospitais, cuja preparação vai decorrer ao longo dos próximos meses, com o objectivo de melhorar a prestação alimentar aos doentes. Segundo informação da Insignare – que detém a EHF e a Escola Profissional de Ourém – o desafio surgiu quando vários elementos da EHF se colocaram na “pele” de um doente e daí se partiu para a melhoria da refeição de hospital tradicionalmente servida, tendo por base o Manual das Dietas Hospitalares e a validação nutricional feita por especialistas.

Este é um dos muitos projectos que a EHF tem em curso, em áreas de inovação e desenvolvimento com o intuito de dotar os alunos de maior número de competências e aprendizagens possível. A missão da Fundação Ilídio Pinho, que promove os prémios “Ciência na Escola” é a promoção da Ciência e da Tecnologia ao serviço do desenvolvimento e da humanização, promovendo a sua difusão e conhecimento nas escolas portuguesa.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1395
    20-03-2019
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1395
    20-03-2019
    Capa Vale Tejo