Sociedade | 12-04-2019 12:30

Quercus diz que os atrasos na revisão do PDM de Benavente são culpa do município

Quercus diz que os atrasos na revisão do PDM de Benavente são culpa do município

Associação lamenta que o município não tenha tentado “conciliar interesses” no processo e diz que as suas acções em tribunal não tiveram influência na morosidade do mesmo.

A associação ambientalista Quercus, que tem em curso várias acções na justiça reclamando ilegalidades no processo de revisão do Plano Director Municipal (PDM) de Benavente, diz que o documento já podia ter sido publicado muito antes das suas acções na justiça e aponta o dedo ao município por essa demora.

“As pessoas têm o poder de perguntar em reuniões de câmara ou assembleia municipal porque razão houve tanta demora do município entre a aprovação do PDM em assembleia municipal, em Julho de 2015, e a efectiva publicação do documento, em Dezembro de 2018. A iniciativa judicial da Quercus só foi responsável por 3 meses de suspensão, entre Agosto e Outubro de 2017”, explica João Pinheiro, advogado mandatado pela associação para falar do assunto.

Notícia completa na edição de O MIRANTE já nas bancas

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1398
    10-04-2019
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1398
    10-04-2019
    Capa Vale Tejo