uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Benavente vai entregar 21 casas em 2005

Câmara e INH celebraram acordo homologado pelo ministro
Edição de 10.11.2004 | Sociedade
Mais de duas dezenas de famílias carenciadas do concelho de Benavente irão receber casas novas no próximo ano. O acordo de colaboração entre a câmara e o Instituto Nacional da Habitação (INH) foi assinado no sábado, 6 de Novembro. A cerimónia foi presidida pelo ministro das Cidades, Administração Local, Habitação e Desenvolvimento Regional, José Luís Arnaut.A aquisição de 21 casas vai ser apoiada pelo Programa de Financiamento para Acesso à Habitação-Prohabita. O programa prevê que a câmara pode construir de raiz, adquirir ou arrendar os fogos a conceder. As casas serão entregues a famílias que vivem em condições de grave carência habitacional no prazo máximo de seis meses após a sua conclusão, compra ou arrendamento. O valor global do investimento é de 1.216.615 euros e o INH irá financiar com 973.290 euros. Metade do valor (486.645 euros) será concedida a fundo perdido e o restante como empréstimo bonificado e com uma taxa mais baixa que os valores praticados pelos bancos.A lista de espera para a atribuição de habitação social tem mais de 200 famílias inscritas no concelho. No próximo ano, só 10 por cento serão contempladas.O presidente da câmara, António Ganhão referiu as dificuldades que os municípios têm sentido nesta área e apelou ao ministro para que reforce os apoios para habitação social. O ministro que tutela a habitação explicou que pretende continuar a criar alternativas menos onerosas para realojar as famílias carenciadas. José Luís Arnaut apontou a utilização dos fogos devolutos e o recurso ao arrendamento como novas formas de aquisição de casas para habitação social e desafiou as autarquias a aproveitarem as vantagens do Prohabita.

Mais Notícias

    A carregar...