uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Movimento de utentes dá sugestões para redução do défice

Edição de 25.05.2005 | Economia
O Movimento dos Utentes dos Serviços Públicos (MUSP) instou na terça-feira o Governo a criar impostos sobre as operações bolsistas e a especulação imobiliária como forma de resolver o problema do défice orçamental (6,83%).Em comunicado, o MUSP considera também que o Governo deve accionar os mecanismos legais e administrativos para travar a evasão e fraudes fiscais.O Movimento propõe que o Governo “assuma as suas responsabilidades políticas, para que a evasão e fraude fiscais deixem de acontecer por parte daqueles que continuam a somar dinheiro ao dinheiro através dos chorudos lucros obtidos à custa do trabalho daqueles que auferem os salários mais baixos da Europa”.Se o governo “assumir com coragem política” estas propostas “é convicção do MUSP que estão criadas as condições para reduzir os valores do défice orçamental”, diz o comunicado.O valor do défice público (6,83 por cento) apurado pela comissão independente liderada pelo governador do Banco de Portugal, Vítor Constâncio, foi anunciado segunda-feira pelo ministro de Estado e das Finanças.

Mais Notícias

    A carregar...