uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Prejuízo da TAP agrava-se devido ao aumento dos combustíveis

Prejuízo da TAP agrava-se devido ao aumento dos combustíveis

Edição de 24.08.2005 | Economia
O prejuízo da TAP agravou-se em cerca de 25 por cento no primeiro semestre deste ano, face a igual período de 2004, para 44 milhões de euros, por causa do aumento do preço dos combustíveis, anunciou a empresa.Os custos da transportadora aérea portuguesa com combustíveis aumentaram 42 por cento nos primeiros seis meses do ano, para 118 milhões de euros.Dos 35 milhões de euros de aumento da factura de combustíveis, apenas 5 milhões de euros respeitam ao reforço da oferta da companhia aérea.Sem o impacto do encarecimento dos combustíveis, a TAP Portugal teria um prejuízo de apenas 9 milhões de euros, afirmou o administrador financeiro da empresa, Michael Connoly, em conferência de imprensa.O resultado operacional da maior transportadora aérea portuguesa passou de 30 para 36 milhões de euros negativos.As vendas cresceram 8 por cento, para 605 milhões de euros, tendo a TAP transportado mais de 3 milhões de passageiros, o que traduz um crescimento de 8,2 por cento.“A TAP teve um desempenho muito bom, tendo em conta o aumento dos combustíveis, com crescimento em todas as áreas de negócio”, afirmou Connoly.Lusa
Prejuízo da TAP agrava-se devido ao aumento dos combustíveis

Mais Notícias

    A carregar...